Voltar ao conteúdo principal
FRETE GRÁTIS NAS COMPRAS ACIMA DE R$ 499

Quiet Luxury: A Tendência Alternativa ao Luxo Ostensivo

Quiet Luxury Kace Capa

Na indústria da moda, o luxo costuma ser associado a uma exibição ostensiva de marcas renomadas e peças extravagantes, como já foi visto na tendência da logomania. Por outro lado, uma nova tendência está ganhando destaque: o quiet luxury, que valoriza uma abordagem menos explícita e mais minimalista.

Quiet Luxury Kace Corpo

Foto: Reprodução Pinterest (Matéria: Quiet Luxury: A Tendência Alternativa ao Luxo Ostensivo)

O que é o quiet luxury?

Quiet luxury é um termo que se refere a uma abordagem mais sutil do luxo. Em contraste com a extravagância chamativa, o quiet luxury valoriza um estilo que, embora contemple roupas de grifes renomadas, abraça o minimalismo, e não anuncia o valor de maneira óbvia.

Atualmente, a tendência tem sido recorrentemente percebida na série Succession, da HBO Max, em que a família milionária usa composições com peças de tecidos nobres, caimentos especiais, e acessórios discretos, mas valiosos, com uma total ausência de logos.

Quiet Luxury Kace Corpo 1

Foto: Reprodução Pinterest (Matéria: Quiet Luxury: A Tendência Alternativa ao Luxo Ostensivo)

O minimalismo é uma característica marcante do quiet luxury. As cores neutras e suaves, como tons de bege, branco, cinza e marinho, prevalecem, criando uma paleta elegante e versátil. A atenção aos detalhes é fundamental, com costuras perfeitas, cortes precisos e acabamentos impecáveis que refletem a qualidade artesanal das peças.

Quiet Luxury Kace Corpo 2

Foto: Reprodução Pinterest (Matéria: Quiet Luxury: A Tendência Alternativa ao Luxo Ostensivo)

O quiet luxury e o elitismo

O quiet luxury na moda é um estilo que dispensa o ciclo exaustivo de micro tendências, e se concentra em criar um estilo atemporal e sofisticado. Com peças versáteis, atemporais e de qualidade, existe uma crença de que as peças quiet luxury não são dispensáveis: confeccionadas com materiais luxuosos, como seda, cashmere e couro de alta qualidade, com ciclo de vida aumentado.

Quiet Luxury Kace Corpo 3

Foto: Reprodução Pinterest (Matéria: Quiet Luxury: A Tendência Alternativa ao Luxo Ostensivo)


Apesar desse discurso por trás da tendência, de preocupações com sustentabilidade e consumo consciente, essa tendência pode transmitir uma percepção elitista, indo de encontro à ideia de inclusão e igualdade trazida pelos novos grupos sociais emergentes, conhecidos como new money. Ao optar por peças de vestuário caras e exclusivas, pode-se alegar que o quiet luxury está enraizado em uma mentalidade elitista, onde a posse desses itens é um símbolo de status e pertencimento a um grupo seleto.

Além disso, o acesso ao quiet luxury muitas vezes requer um investimento financeiro considerável. As peças de luxo associadas ao conceito podem ter preços exorbitantes, tornando-as inacessíveis para a maioria das pessoas. Essa exclusividade financeira pode reforçar a percepção de elitismo e afastar aqueles que não têm os recursos necessários para participar dessa tendência.

Desafiando a percepção elitista do quiet luxury

Embora seja importante reconhecer as críticas válidas sobre a percepção elitista do quiet luxury, também é possível uma abordagem mais inclusiva que envolva a valorização da qualidade, artesanato e atenção aos detalhes, independentemente do preço ou da marca. Ao invés de focar em peças caras, é possível procurar por marcas emergentes, designers independentes ou até mesmo explorar brechós de luxo, onde é possível encontrar itens de alta qualidade a preços mais acessíveis.

Quiet Luxury Kace Corpo 4

Foto: Reprodução Pinterest e Vogue (Matéria: Quiet Luxury: A Tendência Alternativa ao Luxo Ostensivo)

Além disso, a essência do quiet luxury está em buscar experiências significativas e autênticas. Isso pode envolver explorar a moda vintage, customização de roupas, ou até mesmo adotar um estilo minimalista com peças de marcas acessíveis. A chave é valorizar a elegância discreta, a qualidade duradoura e a expressão pessoal, independentemente do orçamento.

O luxo não precisa ser sinônimo de exclusividade financeira ou de marcas renomadas. Ao valorizar a qualidade, o artesanato e a atenção aos detalhes, independentemente do preço, podemos abraçar a essência do quiet luxury sem reforçar divisões sociais.
A moda é uma forma de expressão pessoal e deve estar disponível para todos. Ao desafiar a percepção elitista do quiet luxury e adotar uma mentalidade mais inclusiva, podemos promover uma moda que celebra a elegância discreta, a individualidade e a autenticidade de cada pessoa

Comentários

Seja o primeiro a comentar
Todos os comentários são analisados antes de serem publicados